IMC – na prática

Na primeira publicação do blog – apresentamos que o Índice de Massa Corporal (IMC) serve de orientação para identificar a obesidade.

Criado por Adolphe Quetelet , com o objetivo de ser um parâmetro facilmente calculável para verificar se a pessoa está com peso baixo, normal ou elevado. O índice ainda é utilizado pela Organização Mundial de Saúde.

O índice é calculado utilizando-se a fórmula a seguir:

IMC

Apensar de existirem variações conforme idade, país e sexo – de forma geral, é possível orientar-se pela tabela a seguir:

IMC

Classificação

< 18.5

Abaixo do Peso

18.5–24.9

Saudável

25.0–29.9

Sobrepeso

30.0–34.9

Obesidade I

35.0–39.9

Obesidade II (severa)

≥ 40.0

Obesidade III (mórbida)

Para ilustrar o IMC – pediu-se aos alunos da Turma de Bioquímica e Biofísica do 1°/2013 que informassem: sexo, peso, altura e idade. Cada aluno que desejou contribuir com o blog anotou apenas as informações solicitadas em uma folha, e entregou aos responsáveis pelo blog.

30 alunos aceitaram participar (16 homens e 14 mulheres), com idades variando entre 17 e 29 anos (média=19,6 e DP=2,8).

A distribuição dos IMCs encontra-se sumarizada no gráfico a seguir:

IMC02r

Observa-se que a grande maioria dos alunos encontra-se em peso saudável. E nenhum aluno apresentou IMC que indicasse algum grau de obesidade.

Caso queira saber mais detalhes sobre IMC faça download de uma apostila disponibilizada pela OMS em: http://www.hepfdc.info/files/BMIGuidelines.pdf

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s