Tecido Adiposo: Considerações Iniciais

Como introdução ao subtema TECIDO ADIPOSO, esse primeiro post tem como intenção apresentar um conceito deste tecido por meio de exemplificações de suas funções e classificação. Anteriormente a isso, introduz-se o subtópico com uma pequena discussão a respeito de suas contradições  no contexto do mundo moderno

image

Contraste entre os processos evolutivos e o estilo de vida moderna

Inseridos no processo da evolução humana, muitos são os fatores que proporcionaram ao homem, e aos mamíferos de modo geral, sucesso no contexto da seleção natural, o fator que aqui será abordado diz respeito ao tecido adiposo (TA). A disponibilidade intermitente de alimentos fez com que esse tecido se sobressaísse no processo de evolução natural, pois era de vital importância o armazenamento de energia. Não somente a incerteza do alimento, mas também a busca incessante por melhores condições ambientais e a luta cruel contra frio. No entanto, apesar de num passado essa camada adiposa se encaixar perfeitamente no o estilo de vida do homem primitivo, contemporaneamente, com a radical mudança alimentar, maus hábitos adquiridos (ex.: sedentarismo) e com a disponibilidade imediata do alimento, esse tecido, ao exercer sua função corretamente, desencadeia uma epidêmica maléfica moderna, a obesidade. Acabamos, então, por nos tornar vitimas do nosso progresso.

Tecido Adiposo: constituição e funções

De origem mesodérmica, é um tecido conjuntivo ricamente vascularizado cuja principal função e a mais estudada é a de reservar energia na forma de triacilgliceróis (TAGs) e liberá-la na clivagem destes em ácidos graxos livres (AGL) e gliceróis. Este papel é cumprido devido à presença de células especializadas, os adipócitos. Na composição deste tecido há também a fração estromovascular (FEV). É nessa fração que são encontrados fibroblastos, pré-adipócitos, constituintes vasculares e macrófagos.

Outra importante função, descoberta recentemente, é a de sinalização endócrina, parácrina e autócrina. A partir dessa maneira de agir, o TA regula sua própria atividade metabólica e a de outros tecidos, esta atuação o eleva a um patamar de órgão endócrino-metabólico e elimina a falsa idéia de que ele é apenas uma estrutura passiva e que ocorre apenas para que se coloquem calorias excessivas em algum lugar. É, portanto um tecido metabolicamente ativo.

Ainda no âmbito funcional, elencam-se:

  • Termorregulação;
  • Formação de coxins adiposos (Amortecimento);
  • Isolante térmico;
  • Preenchimento;
  • Modelagem corpórea.

Classificação

O tecido adiposo poder ser classificado de acordo com a intenção do estudo, o quesito abordado em um primeiro instante sera o da funcionalidade biológica. Nos mamíferos em geral, há dois tipos de tecido adiposo: tecido adiposo branco (TAB) e tecido adiposo marrom (TAM). Esses tecidos diferem entre si quanto a uma serie de coisas, dentre elas tem-se atividade metabólica, cor e distribuição no organismo. O TAB está ligado ao armazenamento de lipídeos na forma de TAG e é o principal meio de estocagem energética. O TAM esta ligado à termogênese nonshivering, ou seja, à produção de calor por meio de processos metabólicos calorigênicos.No entanto, Uma discussão mais aprofundada sobre essas diferenças será realizada em um momento posterior.

Fontes: 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-27302006000200008

http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?view=000771238

http://www.scielo.br/pdf/abem/v43n3/11903.pdf

http://books.google.com.br/books?id=8fdzDancvKMC&pg=PA163&lpg=PA163&dq=tecido+adiposo+estrutura+amadurecida&source=bl&ots=RjJhKXDpQq&sig=ovjgEte2nT32SJVh5x0HvicdVuU&hl=pt&sa=X&ei=kAmQUZ6aNYas8ASZ7ID4Ag&ved=0CDgQ6AEwBQ#v=onepage&q=tecido%20adiposo%20estrutura%20amadurecida&f=false

http://medical-dictionary.thefreedictionary.com/nonshivering+thermogenesis

http://www2.uol.com.br/sciam/reportagens/alimentos_e_evolucao_humana.htm

Autor: João Pedro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s